francesa

Direção Descendente

1-10 de 36

Página
  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. 4
  1. GERMINAL - Émile Zola
    R$27,00
    6x de R$4,50

    Um dos grandes romances do século XIX, expressão máxima do naturalismo literário, Germinal baseia-se em acontecimentos verídicos. Para escrevê-lo, Émile Zola trabalhou como mineiro numa mina de carvão, onde ocorreu uma greve sangrenta que durou dois meses. Atuando como repórter, adotando uma linguagem rápida e crua, Zola pintou a vida política e social da época como nenhum outro escritor. Mostrou, como jamais havia sido feito, que o ambiente social exerce efeitos diretos sobre os laços de família, sobre os vínculos de amizade, sobre as relações entre os apaixonados.
    Insira conteudo

    Detalhes
  2. NA ALCOVA - Três histórias licenciosas - Denon e Guilleragues e Crébillon
    R$30,00
    6x de R$5,00

    Este livro reúne três peças de ficção de três autores franceses, escritas entre o último terço do século XVII e o começo do século XIX. Todas são de tema licencioso, mas não propriamente libertino. Nunca se chega à elaboração explícita de um Sade, por exemplo. O sexo pode ser bem real, mas vem sempre envolto em torneios de linguagem.

    A protagonista de "Cartas portuguesas", de Guilleragues, que foi forçada à clausura, é seduzida por um oficial francês. Por causa dessa freira, Stendhal dirá: "Deve-se amar como a religiosa portuguesa". A heroína de "O silfo" procura a solidão do campo para se proporcionar experiências eróticas. O autor, Crébillon, é conhecido por romances seus libertinos, como O sofá. A personagem central de "Por uma noite", de Vivant Denon, arma um grande qüiproquó adúltero na propriedade rural do marido traído e leva um dos amantes para sua câmara secreta de prazeres. Louis Malle usou a história para o roteiro de Os amantes e o historiador Robert Darnton declarou que trocaria toda a obra do Marquês de Sade pelas poucas páginas de Denon. A concepção do livro é de Samuel Titan Jr., que completa o volume com um posfácio interessantíssimo.

    Cia. das Letras - 112 pág. - brochura 

    Detalhes
  3. A ARTE E A MANEIRA DE ABORDAR SEU CHEFE PARA PEDIR UM AUMENTO - Georges Perec
    R$31,00
    6x de R$5,17

    Só um homem que nunca comprou uma televisão e não sabe dirigir, como parece ter sido o caso de Georges Perec, pode conceber um estado progressivo de exasperação diante da vida prática como o que é relatado neste livro. Só um homem tão avesso ao chamado do consumo é capaz de provocar o riso do leitor diante de uma das situações ao mesmo tempo mais corriqueiras e constrangedoras da vida cotidiana nas sociedades que seguem à risca a cartilha do mercado. A arte e a maneira de abordar seu chefe para pedir um aumento é exatamente isso: uma bula às avessas. Um livro de antiajuda, que ensina a rir de si mesmo, nem que seja só para contrariar uma das principais tendências do mercado editorial num mundo reduzido a fórmulas matemáticas.
    Inspirado num organograma empresarial, Perec imaginou um jogo obsessivo de possibilidades cujo objetivo aparente seria evitar o pior - que por isso mesmo sempre acontece, a cada nova tentativa frustrada do protagonista, concebida como projeção exemplar e preventiva. À maneira de um manual antecipatório, o texto revela o ridículo das ações e das expectativas mais prosaicas do mundo do trabalho, por meio de sua repetição esquemática até o esgotamento. O leitor é o protagonista desse jogo combinatório de probabilidades, que leva a obsessão pelas projeções matemáticas às raias do ridículo. Ao contrário dos manuais que ensinam a vencer na vida e fazer amigos num mundo onde mercado e realidade são sinônimos, este pequeno livro póstumo de um dos escritores mais inventivos do século XX mostra que não há regras nem limites para a imaginação literária.

    Ed. Cia. das Letras - 88 pág. - brochura

    Detalhes
  4. ALFABETO - Paul Valéry
    R$34,00
    6x de R$5,67

    História deste alfabeto 
    Foi-me pedido, há alguns anos, que escrevesse vinte e quatro fragmentos de prosa (ou de versos variados) cuja primeira palavra deveria, em cada um, começar por uma das letras do alfabeto. Alfabeto incompleto? Sim. É que se tratava de utilizar vinte e quatro letras ordenadas, em xilogravura, que se pretendia publicar com o auxílio de alguma literatura – pretexto e causa aparente do álbum pensado. Essas condições não me intimidam. O gravador havia omitido duas letras, as mais incômodas , aliás, as mais raras em francês: o K e o W. Restam XXIV caracteres. Veio-me a ideia de ajustar essas XXIV peças a serem escritas às XXIV horas do dia; a cada uma das quais se pode bastante facilmente fazer corresponder um estado e uma ocupação ou uma disposição da alma diferente; decisão bastante simples.
    (Paul Valéry)

    Ed. Autêntica - 160 pág. - brochura - formato 13 x 18 cm

    Detalhes
  5. A LIVRARIA MÁGICA DE PARIS - Nina George
    R$34,90
    6x de R$5,82

    O livreiro parisiense Jean Perdu sabe exatamente que livro cada cliente deve ler para amenizar os sofrimentos da alma. Em seu barco livraria, ele vende romances como se fossem remédios. Infelizmente, o único sofrimento que não consegue curar é o seu: a desilusão amorosa que o atormenta há 21 anos, desde que a bela Manon partiu enquanto ele dormia. Tudo o que ela deixou foi uma carta que Perdu não teve coragem de ler. Até um determinado verão o verão que muda tudo e que leva Monsieur Perdu a abandonar a casa na estreita rua Montagnard e a embarcar numa jornada que o levará ao coração da Provence e de volta ao mundo dos vivos. Sucesso de público e crítica, repleto de momentos deliciosos e salpicado com uma boa dose de aventura, A livraria mágica de Paris é uma carta de amor aos livros perfeito para quem acredita no poder que as histórias têm de influenciar nossas vidas.

    Ed. Record - 308 pág. - brochura

    Detalhes
  6. REMISSÃO DA PENA - PATRICK MODIANO
    R$34,90
    6x de R$5,82

    A autobiografia romanceada do autor do Prêmio Nobel de Literatura em 2014 Patrick e seu irmão são confiados a amigas de seus pais em Paris após a Segunda Guerra. Das mulheres responsáveis pelos dois meninos pouco se sabe além do que revelam os trechos de conversas entreouvidas por Patrick: que uma delas é uma pessoa triste e que a outra foi artista de circo. Isso e o fato de receberem as visitas frequentes de Jean D. e Roger Vincent durante o dia e de diversos visitantes noturnos. Nesse mundo intangível, os dois irmãos seguem de mãos dadas pela infância através da rue du Docteur-Dornaine e em meio a visitas a castelos, excursões a Paris, leitura de histórias de aventura, tardes ouvindo rádio ― sempre à espera de que, um dia, alguém volte para buscá-los.

    Ed. Record - 128 pág. - brochura

    Detalhes
  7. PRIMAVERA DE CÃO - Patrick Modiano
    R$34,90
    6x de R$5,82

    O mais misterioso livro de Patrick Modiano Aos dezenove anos, numa manhã da primavera de 1964, o narrador encontra o fotógrafo Francis Jansen. Ele trabalha em Paris para uma revista norte-americana, foi amigo de Robert Capa, encontrava-se com uma mulher chamada Colette Laurent que agora o procura incessantemente, guarda todas as suas fotos em três maletas, e desaparece sem deixar vestígios. Homem evasivo e misterioso, Jansen faz parte da galeria de tipos que, como só Patrick Modiano é capaz de descrever, prefere o silêncio e as reticências às palavras. O narrador retorna a bairros afastados, tenta reencontrar pessoas perdidas, e busca romper a camada de silêncio e de amnésia ao seu redor. As silhuetas lhe escapam; depois de trinta anos, os rostos já não estão nítidos. Ele deseja recuperar o passado, para que se torne algo além de fragmentos distantes e ausentes. Tudo lhe causa uma sensação de irrealidade. E é na busca do passado, de Francis Jansen e de tantos outros, que sua identidade é rememorada.

    Ed. Record - 112 pág. - brochura

    Detalhes
  8. FLORES DA RUÍNA - Patrick Modiano
    R$34,90
    6x de R$5,82
    Novo livro da “trilogia essencial” de Patrick Modiano Em 24 de abril de 1933, dois jovens cônjuges se suicidam em seu apartamento em Paris. Naquela noite, eles teriam se encontrado com diversas pessoas e foram dançar. Trinta anos depois, o narrador tenta reconstruir a história deles, que parece se cruzar com a sua própria. Cada pergunta suscita outras, como um eco, ao curso de andanças fantasmagóricas por Paris, de lembranças que retornam à memória... Remissão da Pena, Flores da Ruína e Primavera de Cão são histórias independentes mas formam a “trilogia essencial” da obra de Patrick Modiano. • Patrick Modiano foi laureado com o Prêmio Nobel de Literatura em 2014 e foi ganhador de diversos outros prêmios na França, como o Goncourt e o Grand Prix du Roman da Academia Francesa. Ed. Record - 144 pág. - brochura Detalhes
  9. OS PATRIOTAS - Vol. 2 - A chama não se apagará - Max Gallo
    R$39,00
    6x de R$6,50

    Dia 11 de novembro de 1940 - recusando-se a aceitar 'a sombra e a noite' da derrota, Geneviève Villars e Bertrand Renaud de Thorenc escapam às prisões que se seguem à primeira manifestação de resistência em Paris. Estarão entre os que lutam contra o ocupante, graças aos quais 'a chama não se apagará'. Neste segundo volume de 'Os patriotas', acompanhamos os dois personagens desde o outono de 1940 até o final do verão de 1942. 

    Detalhes
  10. OS PATRIOTAS - Vol. 4 - Com honra e pela vitória - Max Gallo
    R$39,00
    6x de R$6,50

    Em "Os Patriotas" a guerra não serve somente como um mero pano de fundo para uma trama de amor: a obra de Max Gallo - historiador por formação e romancista por paixão - funciona como uma precisa e detalhada aula de História sobre alguns dos momentos mais marcantes do século passado. Por outro lado, após a leitura de "Os Patriotas" será impossível pensar na Segunda Guerra Mundial sem trazer à memória Bertrand Renaud de Thorenc e Geneviève Villars - mesmo que saibamos que o casal, na realidade, nunca existiu.

    Detalhes

Direção Descendente

1-10 de 36

Página
  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. 4
Loja Virtual UOL HOST